5

As primeiras lâmpadas incandescentes usavam filamentos de carvão ao invés do tungstênio usado atualmente. Thomas Edson usava carvão de bambu em seus protótipos de lâmpada.
O grafite usado nos lápis é feito do mineral grafita, material condutor e de resistência elétrica baixa. O carvão possui a mesma composição e características físicas do carvão, por isso os dois podem ser usados para fazer lâmpadas.

Postar um comentário

Anônimo disse... 15 de junho de 2013 18:34

Tentei fazer, mas não consegui fazer funcionar.. É necessario que esteja ligado o carro para ligar a lampada?
por favor, solucione minha duvida

Marcus Saraiva disse... 15 de junho de 2013 19:58

Na verdade vc precisa somente da bateria, não recomendo fazer isso com a bateria no carro, pode provocar um incêndio ou se queimar com o grafite quente se não souber o que está fazendo. Na duvida peça ajuda para um professor de física

Anônimo disse... 30 de agosto de 2013 17:50

Muito legal, ja fiz com meus colegas para fazer na feira de Ciências!!! :0

Levi hein disse... 13 de setembro de 2013 13:01

Mutio legal !
Mais no texto não explica muito bem na verdade e pq e feito com um componente chamando Tungstênio é o mesmo que das nossas lampadas!
#ExpliquemMelhor

Anônimo disse... 7 de novembro de 2013 17:21

Tem outra forma de "ascender" o grafite sem ser com a bateria do carro?

 
Top