3


Uma lâmpada é um objeto muito simples e comum. Entretanto para chegar a esse objeto um longo caminho foi percorrido.
Thomas Edson foi o primeiro a construir uma lâmpada incandescente realmente funcional, com brilho e tempo de vida altos. Para isso ele teve que fazer vários e vários testes. O principal impecílio era a oxidação e ou fusão do filamento.
Quando uma corrente elétrica passa por um condutor, parte da energia elétrica é transformada em calor por um fenômeno conhecido como efeito Joule. Usando esse princípio Thomas Edson começou a fazer suas lâmpadas, primeiramente usando filamento de carvão, depois de bambu e por ultimo de celulose que eram aquecidos por efeito joule até emitirem luz (incandescência).
A grande sacada de Thomas Edson foi usar bulbos de vidro com vácuo, dessa forma os filamentos estavam parcialmente isolados do oxigênio da atmosfera e não oxidavam facilmente. Isso aumentou muito a vida útil das lâmpadas.
Hoje em dia as lâmpadas são feitas com filamento de Tungstênio, um metal com ponto de fusão extremamente elevado ( 3000ºC) mas mesmo assim ainda precisa ficar isolado do oxigênio atmosférico.
Para isso é injetado um gás inerte, normalmente o argônio, à baixas pressões.
O vídeo, em câmera lenta, mostra o efeito do oxigênio no filamento de tungstênio. Após o contato com a atmosfera o filamento dura poucos segundos, pois é completamente oxidado.

Postar um comentário

Aprendendo um pouco disse... 13 de abril de 2009 17:19

Vale lembrar que Nikola Tesla construiu a lâmpada fluorescente (que por sinal é a mais utilizada atualmente) antes de Edison construir sua lâmpada com filamento.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Nikola_Tesla

Marcus Saraiva disse... 13 de abril de 2009 17:37

Bem lembrado,
as lâmpadas incandescentes estão caindo em desuso pois converte apenas 5% da energia elétrica em luz!
Em alguns países as lâmpadas de filamento estão sendo proibidas e logo logo serão artigo de museu

palloma disse... 14 de junho de 2010 16:10

As lâmpadas incandescentes que convertem apenas 5% em luz são as a vácuo que nao sao muito utilizadas as utilizadas hoje é com gás inerte.
e existe uma nova tecnologia sendo criada a das lâmpadas HEI que são melhores que as fluorescentes e nao disperdiça calor e tambem não possui o mercurio que é mt prejudicial. :D

 
Top