2

Experimento mostra coração de rã em funcionamento fora do corpo por vários minutos

O coração, mesmo quando fora do corpo, se mantém em funcionamento por muitos minutos. Isso só é possível graças as suas células que se auto-estimulam, ou seja, as próprias células do coração geram impulsos elétricos responsáveis por estimular a contração muscular. Esses estímulos são combinados com os estímulos provenientes do sistema nervoso central para produzir o movimento rítmico adequado às demandas do corpo.
As contrações podem ser aceleradas com ação do neurotransmissor adrenalina e diminuídas com a acetilcolina.
Nesse vídeo um coração de continua batendo mesmo depois de ser extraído do corpo do anfíbio.
Para saber mais veja: http://www.octopus.furg.br/ensino/Teoria/circulacao/coracao.htm

Postar um comentário

Anônimo disse... 22 de setembro de 2010 14:51

Minha professora de ciências disse que o coração da rã pode bater sem parar em até 6 dias. Quando discecamos uma rã eu peguei o coração dela para mim só que ele parou de bater então joguei 3 gotas de adrenalina nele mais ele não reagiu. O do meu amigo ficou batendo quase a aula toda mais paro no ultimo horário.

Anônimo disse... 30 de julho de 2012 16:22

sinistroo.. vi um video no youtube de um coraçao batendo fora do corpo . aparentemente em um chao de asfalto provavel que tenha sido de um acidente; mas oque teria ocasionado para o coração do sujeito estar fora do corpo aah e eu gostaria de saber se existe transplante de coração ou se precisa de um que seja compativel?

 
Top